quinta-feira, 30 de julho de 2009

Tu tens palavras de vida eterna



Jo 6. 64-69 - Mas há alguns de vós que não crêem. Pois Jesus sabia, desde o princípio, quem eram os que não criam, e quem era o que o havia de entregar. E continuou: Por isso vos disse que ninguém pode vir a mim, se pelo Pai lhe não for concedido. Por causa disso muitos dos seus discípulos voltaram para trás e não andaram mais com ele. Perguntou então Jesus aos doze: Quereis vós também retirar-vos? Respondeu-lhe Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna. E nós já temos crido e bem sabemos que tu és o Santo de Deus.

REFLEXÕES - Logo após Jesus ter efetuado o milagre em que alimentara uma multidão de quase dez mil pessoas com cinco pães e dois peixes, muitos dos que se fartaram com o alimento miraculoso procuraram segui-lo, com a intenção de continuarem a receber daquele pão gratuito. Tinham em mente, para obter tal propósito, fazer a Jesus seu rei. Ele, sabendo das suas intenções, ofereceu-lhes outro pão e outra carne. Não o pão de trigo e a carne de peixe, mas Ele próprio, o pão da vida. Disse mais: "Se não comerdes a carne do Filho do Homem e não beberdes o seu sangue, não tereis a vida eterna". Muitos acharam duro o discurso e já não seguiam a Jesus.
Foi após esses acontecimentos que o Mestre inquiriu seus discípulos sobre a sua disposição de continuarem a segui-lo. Pedro, que protagonizou diversas situações em que mereceu a repreensão do Senhor, desta vez falou pelo grupo expressando o que estava em seus corações: "Para onde iremos nós, tu tens as palavras da vida eterna". Esta afirmação deve resumir nossa posição de cristãos. Ou seja, a nossa motivação para seguir a Jesus não pode ser outra que não as palavras de vida eterna que ele veio nos trazer. Claro que cada um de nós tem problemas e temos plena liberdade e o direito de requerer de Deus a solução dos mesmos quando falham os meios humanos para a sua solução. O Senhor deixou aberto o caminho para que cheguemos, por seu intermédio ao Pai e obtenhamos a solução para nossos males humanos. Esta, entretanto não pode ser nossas motivação maior.
Em dias de tantas necessidades, em que a falência do Estado põe tantas pessoas na vala comum de uma condição subumana de viver, é comum aparecerem aqueles que oferecem o paraíso já aqui na terra em troca do seguimento a um Jesus milagreiro. Talvez você me questione: mas Jesus passou a vida fazendo milagres! É certo, mas ele também afirmou: "Mas buscai primeiro o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas." Mateus 6.33. Por mais que alguns tentem colocar na boca do Mestre afirmações que ele não fez, a verdade do Reino de Deus e uma só: ele não é deste mundo. Bem afirmou Pedro: "Tu tens as palavras da vida eterna". É por ai que deve se dar nossa caminhada junto ao Senhor Jesus. Se somos crentes fiéis e dedicados a promessa está sobre nós: as necessidades materiais nos serão supridas.
Deus está buscando verdadeiros adoradores que o adorem em espírito e verdade. Será que o simples seguimento ao Deus Provedor consiste em verdadeira adoração? Pense bem e, com toda a sinceridade responda a si mesmo. É reduzir a uma condição insignificante o sacrifício de Jesus, pensar que ele deixou seu trono de glória, veio à terra e morreu, apenas para que tenhamos uma boa vida neste mundo.

O Senhor te abençoe e te guarde, o Senhor volte para ti o seu rosto e tenha misericórdia de ti, o Senhor sobre ti levante o seu rosto e te dê a paz.

7 Fundamentos para se ter um Casamento feliz e bem Sucedido.



Texto Base: Gn 2:18-24

“Disse mais o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só: far-lhe-ei uma auxiliadora que lhe seja idônea. Havendo pois o senhor Deus formado da terra todos os animais do campo, e todas as aves dos céus, trouxe-os ao homem, para ver como este lhes chamaria; e o nome que o homem deste a todos os seres viventes, esse seria o nome deles. Deu nome o homem a todos os animais domésticos, as aves dos céus, e a todos os animais selváticos; para o homem tadavia não se achava uma auxiliadora que lhe se já idônea. Então o Senhor Deus fez cair pesado sono sobre o homem, e este adormeceu: Tomou uma das suas costelas, e fechou o lugar com carne. E a costela que o Senhor Deus tomara ao homem transformo-a numa mulher e lhe trouxe. E disse o homem: esta afinal, é osso dos meus ossos e carne da minha carne, chamar-se-á varoa, porquanto do varão foi tomada. Por isso deixa o homem pai e mãe, e se une a sua mulher, tornando-se os dois uma só carne. Ora, um e outro o homem e a mulher estavam nus e não se envergonhavam.”
Afirmação: O casamento é uma instituição que foi Criada e elaborada por Deus.

7 fundamentos para se ter um casamento feliz e bem sucedido:

Co-igualdade: A mulher foi feita de uma costela tirada ao lado de Adão; não de sua cabeça para governar sobre ele, nem de seu pé para ser pisada por ele; mas de seu lado, para ser igual a ele, debaixo de seu braço para ser protegida, e perto de seu coração para ser amada.

Fidelidade – O Mundo não acredita mais na fidelidade. Todavia, um casamento alicerçado neste princípio tem muito mais possibilidades de subsistir diante das pressões do dia a dia. A fidelidade é uma atitude “sine Qua non”pra que se tenha um casamento feliz e bem sucedido.

Verdade – A verdade deve sempre prevalecer independente do conflito em questão. Aonde existe verdade existe confiança, e aonde existe confiança não existe possibilidade de incoerências e “achismos”.
“A Verdade é sempre forte, não importa quão fraca pareça, e a falsidade é sempre fraca, não importa o quão forte pareça.”( Phillips Brooks)

Amor: - I Co 13- 4-7. “ O amor é paciente, é benigno, o amor não arde em ciúmes , não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

Aliança – O que faz o casamento uma instituição duradoura, não são os bens que possuímos, as boas relações que desenvolvemos, ou o amor que temos um pelo outro. O que sustenta o matrimônio é a aliança que fazemos um com outro diante de Deus, familiares e amigos.

Compreensão e determinação: Existem 02 fatores que comumente agem de forma implacável e persistente sobre o casamento nos dias de hoje:
A incompreensão entre os cônjuges. Duas pessoas que se amam tem que desenvolver a habilidade de compreender uma à outra. Isto é, desenvolver uma atitude compreensiva e madura para com as fraquezas de seu cônjuge, não intencionando mudá-lo(a) com críticas ou insinuações maldosas. O casamento é um ajustamento Contínuo.
Falta de determinação de se permanecer casado. O casamento se mantém não pelo amor somente, mais sobretudo pela aliança feita pelo casal diante Deus.
Ter Jesus como âncora e socorro. Com certeza os conflitos virão, e ainda que nós desenvolvamos todos os princípios citados, sem Jesus, estamos fadados ao fracasso.

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Afinal, quem é esse homem?



Você já notou o número de definições e conceitos diferentes a respeito da pessoa de Jesus Cristo?
Muitas ideologias, filosofias e religiões criam definições das mais bizarras.
Se fôssemos listar todas as opiniões a respeito sobre Jesus, teríamos de escrever um livro.
No entanto, na Bíblia nós encontramos uma versão a respeito de Jesus completamente diferente das filosofias. Comecemos com as declarações de Jesus a respeito dele próprio.


Ele disse que era o Cristo (Messias, Prometido), e o Filho de Deus (Marcos 14:61,62; Lucas 22:70). Eis aqui uma lista dos apelidos que Jesus atribuiu a si mesmo. Ele disse:
Eu sou o pão da vida que desceu do céu (João 6:35,41,48,51);Eu sou a luz do mundo (João 8:12);Eu sou lá de cima (João 8:23);EU SOU antes que Abraão existisse (João 8:58);Eu sou a porta pela qual as ovelhas entram no descanso (João 10:7,9);Eu sou o bom pastor das ovelhas (João 10:11,14);Eu sou a ressurreição e a vida (João 11:25);Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim (João 14:6);Eu sou a videira verdadeira, meu Pai é o agricultor, e vocês são os ramos (João 15:1,5);Eu sou o Alfa e o Ômega, (Apocalipse 1:8a; 21:6; 22:13);Eu sou o princípio e o fim (Apocalipse 21:6; 22:13);Eu sou aquele que é, que era e que á de vir (Apocalipse 1:8b);Eu sou o Todo-Poderoso (Apocalipse 1:8c);Eu sou o primeiro e o último (Apocalipse 1:17; 22:13);Eu sou aquele que sonda mentes e corações (Apocalipse 2:23);Eu sou a Raiz da Geração de Davi (Apocalipse 22:16);Eu sou a brilhante Estrela da Manhã (Apocalipse 22:16)Eu sou como quem serve (Lucas 22:27).

Além disso, Ele também disse o que veio fazer no mundo:
Eu vim trazer espada à terra, e não paz (Mateus 10:34);Eu vim causar divisão entre as pessoas da mesma família (Mateus 10:35-39);Eu vim pregar o evangelho da salvação aos perdidos (Marcos 1:38);Eu vim para servir e dar a vida em resgate por muitos (Lucas 10:28);Eu vim lançar fogo sobre a terra (Lucas 12:49);Eu vim em nome do meu Pai (João 5:43);Eu vim de Deus (João 8:42);Eu vim a este mundo para juízo (João 9:39a)Eu vim para que os que não vêem vejam, e os que vêem se tornem cegos (João 9:39b);Eu vim para que tenham vida, e a tenham em abundância (João 10:10);Eu vim como luz para o mundo (João 12:46).

Qualquer indivíduo que pensasse isso a respeito de si mesmo seria um maluco! Mas Jesus de Nazaré não era. Por incrível que pareça, Ele não foi preso por estar incitando o povo com uma suposta "mania de grandeza". Ele não foi assassinado por pregar a revolução armada e a queda do governo da época. Os motivos dos seus assassinos foram a inveja, porque não puderam refutar nenhuma das afirmações de Jesus. Mas na verdade Ele mesmo se entregou para ser sacrificado. E isto aconteceu porque Ele disse a verdade. Ele era quem dizia ser: o próprio Deus em carne e osso. Ele veio ao mundo para morrer, levando sobre si os nossos pecados. Sendo assim, Ele é quem a Bíblia afirma que é: o Santo e Justo (Atos 3:14), o bendito e único Soberano, Rei dos reis, Senhor dos senhores (1 Timóteo 6:15). É Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade e Príncipe da Paz (Isaías 9:6); é o meu Pastor (Salmo 23); o Rei da Glória (Salmo 24); o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo (João 1:29). Enfim, Jesus Cristo é Deus (João 1:1), e seria impossível escrever todos os nomes maravilhosos que nos ensinam quem é o nosso Senhor Jesus, o Cristo, o Filho de Deus.
Diante disto tudo, só nos restam duas alternativas. A primeira é rejeitar todas estas evidências. Você pode até fazer isso, dizer que nada disso é verdade, e que você prefere o seu sistema, o seu estilo de vida, ou qualquer outra coisa. Neste caso, você está assumindo um risco incalculável. É a sua vida eterna que está em jogo! Sim, porque se você estiver certo, você não perde nada aceitando Jesus como seu Salvador. Mas se você estiver errado, e rejeitar a mensagem de Cristo, você perde tudo - a sua vida, a felicidade eterna e a realização na vida presente. Você perde o céu, a glória de Deus, a comunhão eterna com Deus e com toda a Sua criação, e a reconciliação com a vida.
Portanto, a outra alternativa é infinitamente melhor. Aceite Jesus Cristo como seu Salvador e como Senhor da sua vida. A partir daí, passe a viver em conformidade com a vontade de Jesus, que como Deus, quer apenas o melhor para Seus filhos.

A Divindade de Jesus Cristo




No espiritismo, Ele era um reformador da Judéia, com a missão de ensinar aos homens uma elevada moral, a moral evangélico-cristã; foi a segunda revelação de Deus (a primeira teria sido Moisés, e a terceira, o espiritismo); foi um médium de primeira grandeza, um espírito iluminado.


Para os testemunhas-de-Jeová, Ele é um ser criado por Jeová, poderoso, mas não Todo-Poderoso.


No budismo, Jesus foi um grande Mestre.


No islamismo, Jesus teria sido um mensageiro de Deus, porém menor que Maomé.


Na Nova Era, Jesus não é Deus porque todos somos deuses; a Era de Peixes, de Jesus, está se expirando, e um novo avatar surgirá para conduzir a humanidade à Era de Aquários, que colocará o mundo em ordem e estabelecerá a paz.


Negar a divindade de Jesus é uma das características das seitas, mas “as portas do inferno não prevalecerão” contra a Igreja de Cristo. Para nós, cristãos, Jesus Cristo é Deus. A prova disso não é apenas a nossa fé. Contamos com a Bíblia Sagrada, livro escrito por cerca de 40 escritores, divinamente inspirados.
Contamos também com o testemunho de apóstolos que caminharam com Jesus, ouviram suas palavras e viram seus milagres, a exemplo de Pedro que declarou enfático: “TU ÉS O CRISTO, O FILHO DO DEUS VIVO” (Mateus 16.16). Temos as palavras do próprio Jesus que afirmou: “EU E O PAI SOMOS UM” (João 10.30). Temos o testemunho do profeta Isaías que, 700 anos antes de o Verbo habitar entre nós, chamou-O de “Deus Forte” e “Pai da Eternidade” (Isaías 9.6).
Contamos, também, com o testemunho de milhões de vidas transformadas pelo poder que há no Seu nome. Tratar-se-ia de apenas um espírito evoluído, um homem com poderes mediúnicos como desejam os kardecistas? Se Jesus é apenas um espírito iluminado, por que não “baixa” nas sessões espíritas? Se Jesus foi igual a Buda e Maomé, onde estão seus ossos? Em lugar nenhum iremos encontrá-los porque Jesus ressuscitou, e vive e reina para sempre. Aleluia! Vejamos o que dizem as Escrituras sobre a divindade de Jesus.

Cristo, O Criador
“Todas as coisas foram feitas por meio dele, e sem ele nada do que foi feito se fez... estava no mundo, e o mundo foi feito por ele e o mundo não o conheceu (João 1.3, 10)). “Pois nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades, tudo foi criado por ele e para ele” (Colossenses 1.16). “...a nós falou-nos [Deus] nestes últimos dias pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez o mundo (Hebreus 1.2).

Cristo, O Deus
“A virgem conceberá e dará à luz um filho, e o chamarão pelo nome de Emanuel, que quer dizer: Deus conosco” (Mateus 1.23). “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus... e o Verbo se fez carne e habitou entre nós (João 1.1,14). Atenção: “O Verbo era Deus”, e não “o Verbo era um deus”, como desejam os testemunhas-de-Jeová. “Eu e o Pai somos um” (João 10.30); “Quem me vê, vê o Pai” (João 14.9). “O Pai está em mim, e eu nele” (João 10.38).
“Disse-lhe Tomé: Senhor meu e Deus meu” (João 20.28); “Deles são os patriarcas, e deles descende Cristo segundo a carne, o qual é sobre todos, Deus bendito eternamente. Amém”. (Romanos 9.5). “Pois nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade (Colossenses 2.9). “Porque um filho nos nasceu...o seu nome será: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz” (Isaías 9.6). “Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna” (1 João 5.20). Outras referências: João 1.15,18,30; Colossenses 1.15; 2 Coríntios; 4.4; 5.19.
Cristo, O Eterno
“Eu sou o Alfa e o Omega, o primeiro e o último, o princípio e o fim” (Apocalipse 22.13). “Em verdade, em verdade vos digo que antes que Abraão nascesse, eu sou” (João 8.58). “Eu e o Pai somos um” (João 10.30,38). “Há tanto tempo estou convosco e não me conheces, Filipe? Quem me vê, vê o Pai... crede-me quando digo que estou no Pai e o Pai está em mim” (João 14.9-11,20; 17.21). “Vim do Pai e entrei no mundo; agora deixo o mundo e volto para o Pai” (João 16.28) Outras ref.: João 1.18; 6.57; 8.19.

Cristo, O Todo-Poderoso
“É-me dado todo o poder no céu e na terra” (Mateus 28.18). “Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, diz o Senhor, aquele que é, que era e que há de vir, o Todo-poderoso” (Apocalipse 1.8). Outras referências: Efésios 1.20-23; João 21.17.

Cristo, O Salvador
“Mas quando apareceu a benignidade de Deus, nosso Salvador, e o seu amor para com os homens, não por obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, ele nos salvou mediante a lavagem da regeneração e da renovação pelo Espírito Santo, que ele derramou ricamente sobre nós, por meio de Jesus Cristo nosso Salvador”(Tito 3.4-6).
“E em nenhum outro há salvação, porque debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos” (Atos 4.12). Vejam a ênfase: “Em nenhum outro nome”. Não sobra para Buda, para Allan Kardec, para Maomé, para Confúcio, para Lao-Tsé, para Osíris, Vishnu, Brama, Shiva, Zoroastro, Maytreia. O nome de Jesus está acima de todos e de tudo. Outras referências: João 3.16; Lucas 4.18; Isaías 61.1.
Jesus não foi um simples fundador de uma religião. Os afamados fundadores de seitas que surgiram na história da humanidade estão todos mortos e devidamente enterrados; seus corpos foram comidos pelos vermes, e seus ossos, se ainda restam, estão em algum lugar.
Com Jesus não aconteceu a mesma coisa. A terra não pôde detê-lo; a morte não teve domínio sobre Ele. Jesus ressuscitou do sepulcro e sobre isto há o testemunho das Escrituras; há o registro de testemunhas oculares que com Ele estiveram durante sua vida terrena e após a sua ressurreição, e viram-no ascender aos céus (Mateus 28.1-10; 16-18; Marcos 16.1-14; Lucas 24.1-53; João 20.1-18).

Os Títulos de Jesus
De forma direta ou indireta, pelo nome ou pelos títulos, o nosso Salvador permeia toda a Bíblia, onde é apresentado, por exemplo, como Messias, Redentor, Libertador, Perdoador de pecados, Juiz, Rei dos reis e Senhor dos senhores. Vejamos alguns dos títulos de Jesus distribuídos por vários livros:
Gênesis: Semente da mulher. Jó: Redentor. Salmos: Pedra angular. Cantares: Rosa de Saron. Isaías: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz, Emanuel, Glória do Senhor, Legislador, Poderoso de Jacó, Renovo, Santo de Israel. Jeremias: Justiça nossa. Daniel: Ungido ou Messias. Miquéias: Juiz de Israel. Ageu: Desejado das nações. Zacarias: Rei. Malaquias: Mensageiro da aliança, Sol da Justiça. Mateus: Filho amado, Filho de Davi, Filho de Deus, Filho do Homem, Guia, Rei dos judeus. Marcos: Filho do Deus Bendito, Santo de Deus. Lucas: Consolação de Israel, Filho do Altíssimo, Poderoso Salvador, Profeta, Salvador, Sol nascente. João: A Porta, a Ressurreição e a Vida, Bom Pastor, Cordeiro de Deus, Criador, Deus Unigênito, Eu Sou, Luz do Mundo, Luz Verdadeira, Verbo, Verdade, Vida, Videira verdadeira. Atos: Justo, Santo, Senhor de todos. Romanos: Deus bendito, Libertador. 1 Coríntios: Adão, Nossa Páscoa, Rocha, Senhor da glória. 2 Coríntios: Imagem de Deus. Efésios: Cabeça da Igreja. 1 Timóteo: Bem-venturado Único Soberano, Mediador, Rei dos reis, Rei dos séculos, Senhor dos Senhores. Tito: Salvador. Hebreus: Apóstolo da nossa confissão, Herdeiro de todas as coisas, Autor e Consumador da fé, Grande Sumo Sacerdote. 1 Pedro: Pastor e Bispo das almas, Príncipe dos pastores. 1 João: Advogado. Apocalipse: Alfa e Ômega, Cordeiro, Leão da Tribo de Judá, O Primeiro e o Último, Primogênito, Rei dos santos, Resplandecente estrela a manhã, Todo-poderoso.

Negar a divindade de Jesus é negar a existência do Deus trino, ou seja, do Deus único, eternamente subsistente em três Pessoas: a Primeira Pessoa, Deus Pai; a Segunda Pessoa, Deus Filho; e a Terceira Pessoa, Deus Espírito Santo. A unidade divina é uma unidade composta dessas três pessoas, coexistentes, porém distintas. Examinemos a Palavra:
“Ouve, Israel, o SENHOR, nosso Deus, é o único SENHOR” (Deuteronômio 6.4). Este versículo é muito usado pelos que não aceitam a Trindade. Sustentam que não existem três Deuses, mas apenas um. Ora, a idéia do Deus trino, da unidade composta, está subjacente em outras passagens, como veremos a seguir.
“Então disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem...” (Gênesis 1.26). O uso da primeira pessoa do plural – FAÇAMOS – indica que Deus não estava só na obra da Criação: o Filho e o Espírito estavam presentes. Vejam também Gênesis 3.22; 11.7; Isaías 6.8.
“Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo” (Mateus 28.19).
“A graça do Senhor Jesu Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo sejam com todos vós” (2 Coríntios 13.13). Conhecida como a “bênção apostólica”, este versículo revela o Deus trino.
No batismo de Jesus no Jordão, conforme Mateus 3.16-17, temos o Espírito de Deus “descendo sobre Jesus”; a voz do Pai dizendo “Este é o meu Filho amado”; e o Verbo, o Deus Filho ali encarnado e habitando entre nós.
O livro de Judas fala da Trindade: ”Mas vós, amados, edificando-vos a vós mesmos sobre a vossa santíssima fé, orando no Espírito Santo, conservai a vós mesmos na caridade de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo, para a vida eterna” (Judas 20.021).
O apóstolo Pedro deixou o seu testemunho sobre as Pessoas da Trindade: “Eleitos segundo a presciência de Deus Pai, em santificação do Espírito, para a obediência e a aspersão do sangue de Jesus Cristo” (1 Pedro 1.2).
Na seguinte passagem Jesus mais uma vez revela sua divindade e reafirma a existência da trindade em Deus: “E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder” (Lucas 24.49). A promessa diz respeito ao batismo no Espírito Santo, plenamente cumprida em Atos 2.1-4. Vejam que a promessa é do Pai, mas quem envia é o Senhor Jesus; envia do alto, do céu. Jesus confirma o que já houvera dito: “Eu e o Pai somos um”. Outra referência: Atos 2.32-33.
A verdade é que “Deus estava em Cristo”, como afirmou o apóstolo Paulo (2 Coríntios 5.19). Finalmente, fiquemos com estas palavras gloriosas: “O Filho é o resplendor da sua glória e a expressa imagem da sua pessoa [do próprio Deus], sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder. Havendo feito por si mesmo a purificação dos nossos pecados, assentou-se à destra da Majestade nas alturas” (Hebreus 1.3).

Que Deus vos abençõe!!!

domingo, 26 de julho de 2009

O BOM CHEIRO DE CRISTO

Texto base João 12.1-8 "Foi, pois, Jesus seis dias antes da Páscoa a Betânia, onde estava Lázaro, o que falecera e a quem ressuscitara dos mortos. Fizeram-lhe, pois, ali uma ceia, e Marta servia, e Lázaro era um dos que estavam à mesa com ele. Então, Maria, tomando uma libra de ungüento de nardo puro, de muito preço, ungiu os pés de Jesus e enxugou-lhe os pés com os seus cabelos; e encheu-se a casa do cheiro do ungüento. Então, um dos seus discípulos, Judas Iscariotes, filho de Simão, o que havia de traí-lo, disse: Por que não se vendeu este ungüento por trezentos dinheiros, e não se deu aos pobres? Ora, ele disse isso não pelo cuidado que tivesse dos pobres, mas porque era ladrão, e tinha a bolsa, e tirava o que ali se lançava. Disse, pois, Jesus: Deixai-a; para o dia da minha sepultura guardou isto. Porque os pobres, sempre os tendes convosco, mas a mim nem sempre me tendes".

Evangelhos sinóticos: são os evangelhos escritos de uma mesma perspectiva ou prisma (ponto de vista).
Ex: Mateus, Marcos, Lucas
Não sinótico: João

Porque 4 evangelhos? Porque haviam 4 povos.

Matheus = judeus= Rei= prometido
Marcos= romanos= Servo= divino
Lucas= gregos= Homem= perfeito
João=cristãos= Deus=poderoso

O evangelho de João foi escrito em torno do ano 90 D.C pelo apóstolo João.
João o apóstolo do amor, aquele que além de reclinar a cabeça no peito de Jesus, também foi capaz de ouvir as batidas do seu coração.

''Tema do trabalho levando o evangelho o bom cheiro de Cristo.''

Quando olhamos para o tema logo entendemos que Cristo tem um bom cheiro, e assim tem que ser a vida daqueles que o seguem e o servem, devem cheirar bem, não somente no sentido literal, mas também no figurado.
Porém, na maioria das vezes, não é assim que acontece e por este motivo eu quero falar com os irmãos que lêem este artigo, sobre os vários cheiros e alguns até mal cheirosos, sabendo da nossa capacidade de distinguir as coisas através do cheiro.

Existem dois tipos de perfume: o do mal e o perfume do bem

Perfume do mal: é algo que vem sendo usado por ladrões que se apresentam como vendedores de perfumes. Eles se aproximam das pessoas com uma amostra grátis e ao espirrar aquele produto na pessoa, alguns segundos depois, ela fica desacordada, e o ladrão pratica o furto.

Perfume do bem: Que é um aroma agradável, que é exalado por todo aquele que tem Jesus Cristo na sua vida e é esse perfume que nós queremos falar nesta noite. (O bom perfume de Cristo).


Explicação
Jesus estava em Betânia (3 quilômetros de Jerusalém) na casa de Simão o ex-leproso.
Estavam presentes neste jantar 6 pessoas: Simão o ex-leproso, Maria, Marta, Judas, Lázaro e Jesus.

Simão: Era um homem que cheirava mal, ele possuía lepra, uma doença que consumia todo o seu corpo, ele não podia viver em sociedade, tinha que viver isolado em uma vila para leprosos, não podia abraçar os seus filhos não podia beijar a sua esposa, ele era privado de muitas coisas.

Mas este mesmo homem um dia teve um encontro com o Senhor Jesus Cristo e a sua vida mudou, ele teve uma experiência com Cristo e foi curado, dali em diante o seu cheiro passou a ser cheiro de purificação, milagre, cura.

Obs.: A bíblia não pode ser apenas um livro de leitura, mas sim um livro de experiências!!!


Lázaro: Era amigo de Jesus. Certa vez, se acometeu de uma enfermidade e morreu. Depois de três dias que já havia sido colocado no túmulo e já cheirava mal, Jesus chegou lá e não quis saber se Lázaro cheirava mal, Jesus só quis que tirassem a pedra.
Qual é a sua pedra?
Quando tiraram a pedra Jesus disse: Lázaro saia para fora! E Lázaro ressuscitou!
Lázaro agora cheirava restituição, ressurreição, nova vida...
Lázaro foi o único que não disse nada nesse, jantar sabe por quê?
Porque que quem nasceu de novo não precisa dizer nada, a sua vida diz tudo.

Marta: Marta era irmã de Maria e se destaca nesta passagem por que cheirava trabalho, serviço. Marta servia, estava envolvida com o trabalho no jantar.

Judas: cheirava mal, cheirava avareza, egoísmo, traição, ambição, hipocrisia...
Judas disse que foi um desperdício a entrega de Maria. Talvez alguém tenha dito que você está desperdiçando a sua vida. Mas saiba que você está tomando a atitude certa, na hora certa e no tempo certo.

Jesus: cheirava vida, amor, esperança, ressurreição, alegria, sustento, simplicidade, perdão, compaixão...

Maria: cheirava dedicação, entrega total, sem reservas, adoração...
Eu gostaria de falar sobre a dedicação de Maria:

1- Dedicação exclusiva: ela derrama o perfume sobre Jesus (ela demonstra esperança e amor) demonstra a suficiência em Cristo (ela não guardou um pouco para ela ou para outra pessoa, simplesmente entregou tudo para o Senhor Jesus.)

2- Dedicação sem reservas: ela não somente entregou exclusivamente, mas totalmente ao Senhor o perfume, não restou nenhuma gota.
Certa vez um aleijado perguntou ao Pastor se Deus aceitava um homem pela metade, e o Pastor respondeu que Jesus aceitava um homem pela metade que se entregue totalmente, mas não aceita um homem inteiro que se entregue pela metade.
Neste momento eu quero te pedir para se entregar totalmente ao Senhor!!

3- Dedicação sem retorno: Maria fez uma entrega sem retorno, ela não podia voltar atrás, ela não olhou para traz!

Conclusão: Rompa com as pontes que fazem ligação com o passado, com retorno; não pense em voltar para o mundo, para o passado, mas que nós possamos caminhar há diante com Cristo!

Pedro certa vez disse: “Para onde iremos nós se só o Senhor tem palavras de vida eterna”.

sábado, 25 de julho de 2009

VASO ESCOLHIDO


Texto base: Eclesiastes 7:8 - Melhor é o fim das coisas do que o princípio delas.
Jeremias 18:2 - Levanta e desce a casa do oleiro, e lá te farei ouvir as minhas palavras.


Olhando e estudando a bíblia sagrada chegamos à conclusão de que o segredo não está em como se começa e sim em como se termina.

De nada adianta começar bem e terminar mal, o melhor é quando, às vezes, o começo é até mesmo difícil e complicado, mas no fim acaba bem.

Quantos que começaram bem e hoje estão maus:
- Começaram crentes e hoje estão desviados;
- Começaram lendo a bíblia e hoje estão lendo revista pornográfica;
- Começaram na obediência e hoje estão na desobediência;
- Começaram na simplicidade e hoje estão na soberba;
- Começaram em pé e hoje estão caídos;
- Começaram perto de Deus e hoje estão afastados de Deus;
- Começaram ganhando e hoje estão perdendo;
- Começaram vitoriosos e hoje estão derrotados;
- Começaram na unção e hoje estão na sequidão;
- Começaram cheios e hoje estão vazios...

Davi: começou derrubando o gigante Golias e terminou em um quarto adulterando com Bate-Seba.
Sansão: começou ganhando de 1000 filisteus com uma queixada de jumento, mas terminou careca e sendo chicoteado pelos seus inimigos.
Judas: começou sendo chamado por Jesus e vendo os milagres que Jesus fazia, mas terminou traindo e vendendo a Jesus por 30 moedas de prata.

Deus é o oleiro
Eu sou o vaso


Como funciona uma olaria:

1° passo: O oleiro pega a argila e aperta ela entre os dedos para ver se tem liga, para fabricar o barro.
2° passo: a argila passa por três peneiras para tirar as impurezas: peneira grossa, média e fina.
3° passo: o oleiro pega o que restou da argila e coloca em um recipiente com água aquecida a 300 graus e mexe até virar uma papa.
4° passo: leva para um recipiente onde tem três laminas: lâmina de cima , lâmina do meio e lâmina de baixo.
5° passo: Leva para a modelagem e começa a modelar o vaso de acordo com a sua finalidade.
6° passo: pega o vaso já formado e o coloca em um forno a 400° e fica vigiando para ver se vai trincar.
7° passo: depois o vaso é levado para a sombra para secar em ambiente frio e conferido para ver se o choque térmico não causou mais trincas.
8° passo : leva o vaso para um quarto separado e escuro e o deixa descansar por mais ou menos 25 dias.

É só então ele está pronto!

Existem vários tipos de vaso: vaso de ouro, vaso de prata, vaso de bronze, vaso de barro.

Jeremias 18:2 diz: levanta e desce a caso do oleiro e lá te farei ouvir as minhas palavras.


Parábola: uma serpente perseguia um vaga lume, tanto até que um dia o encurralou na parede:
Então o vaga lume perguntou para a serpente:
Eu não pertenço a sua cadeia alimentar, então por que você quer me comer?
A serpente respondeu: O seu brilho me incomoda.
O seu brilho também está incomodando alguém?...

1- Quando se diz ‘levanta’ é porque está caído.
2- Quando se diz ‘desce’ é porque está em cima.
3- Quando se diz ‘ouvir as minhas palavras’ é porque estava ouvindo outras palavras.



TRANSFORMANDO ADVERSIDADES EM BÊNÇÃOS

Texto base: Daniel resolveu que não iria ficar impuro por comer a comida e beber o vinho que o rei dava (Dn 1.8).

Aí os outros ministros e os governadores procuraram achar um motivo para acusar Daniel de ser mau administrador, mas não encontraram. Daniel era honesto e direito, e ninguém podia acusá-lo de ter feito qualquer coisa errada (Dn 6.4).


Daniel era integro: reto, justo, intocável.
Pessoa integra: tem palavra, honra, caráter, honestidade.
“A SUA MAIOR DERROTA SERÁ TRANSFORMADA EM VITÓRIA”.


Daniel 6.16,17 - Então o rei mandou que trouxessem Daniel e o jogassem na cova dos leões. E o rei disse a Daniel:
– Espero que o seu Deus, a quem você serve com tanta dedicação, o salve.

Trouxeram uma pedra e com ela taparam a boca da cova. O rei selou a pedra com o seu próprio anel e com o anel das altas autoridades do reino, para que, mesmo no caso de Daniel, a lei fosse cumprida ao pé da letra.

Para nós, a cova pode ser considerada como problemas difíceis a serem resolvidos. Daniel estava preparado, uma pessoa preparada tem muito mais chances de vencer do que outra que não está.
Ex: Daniel cumpria a palavra de Deus, orava três vezes ao dia, tinha comunhão permanente com Deus, dava graças a Deus.

Mesmo Daniel sendo amigo do rei, ele não tinha o controle da situação, não conseguiu sair do problema, foi mandado para a cova.

O resultado da preparação de Daniel foi a presença de Deus na sua vida, a coragem , a fé o livramento.

Em Dn 6.23, observamos que Daniel creu no Senhor (teve fé) – A fé é o botão automático que libera a benção de Deus para a sua vida.

DANIEL DEPOIS DA COVA
1. Você está saindo da cova
2. Você cresce espiritualmente
3. Os teus inimigos estão sendo derrotados
4. E os seus inimigos serão jogados na cova em seu lugar.

NÃO VOS CONFORMEIS COM ESTE MUNDO


Texto base: Rogo-vos, pois, irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresenteis o vosso corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. Rm 12.1-2

“A estrada da vida não é uma reta, há curvas de fracassos e de confusões, mas se você tiver um estepe chamado determinação, um motor chamado perseverança, um seguro chamado fé e um motorista chamado Jesus, você chegará a um lugar chamado sucesso”.
“Heróis são pessoas que com coragem, responsabilidade e determinação, fazem o que precisa ser feito”!


A carta aos Romanos foi escrita em 57 dC.
Rogo-vos – Pedir com insistência.
Pela compaixão de Deus – É termos um grato reconhecimento do que Deus, na sua infinita compaixão, fez por nós ao perdoar os nossos pecados e ao nos receber de volta a sua graça, através de Cristo.
Apresenteis – Quer dizer entregar-se.
Corpo em sacrifício vivo – Sacrificar as nossas vontades, prazeres, dedicar a nossa vida ao Senhor.

Não vos conformeis com este mundo...
No aspecto: Físico, social, espiritual, político, cultural, drogas, doenças, etc..
Mas transformai-vos (metamorfose, mudança) pela renovação do vosso entendimento...
Renovar: os costumes, as vontades, os sentimentos, os objetivos as nossas atitudes...

Deixe o Espírito Santo de Deus transformar, reeducar, redirecionar a sua vida, para que assim, vivamos uma transformação.
Pedro na porta do templo chamada Formosa – quando o Espírito de Deus habita em você, você é transformado por dentro e por fora.


“SER LUZ NA LUZ É FÁCIL, DIFÍCIL É SER LUZ NAS TREVAS”.

JOÃO 13


Texto base: ‘Faltava somente um dia para a Festa da Páscoa. Jesus sabia que tinha chegado a hora de deixar este mundo e ir para o Pai. Ele sempre havia amado os seus que estavam neste mundo e os amou até o fim.
Jesus e os seus discípulos estavam jantando. O Diabo já havia posto na cabeça de Judas, filho de Simão Iscariotes, a idéia de trair Jesus. Jesus sabia que o Pai lhe tinha dado todo o poder. E sabia também que tinha vindo de Deus e ia para Deus. Então se levantou, tirou a sua capa, pegou uma toalha e amarrou na cintura. Em seguida pôs água numa bacia e começou a lavar os pés dos discípulos e a enxugá-los com a toalha’.
João 13.1-5

1. De todas às vezes em que Jesus se ajoelhou, nenhuma foi tão importante como a que Jesus se ajoelhou diante dos discípulos.
2. Jesus se coloca de pé, tira o seu manto, cinge uma faixa usada pelos servos ao redor da cintura, toma a bacia, se ajoelha diante dos discípulos e começa a lavar os seus pés, um a um.
3. Na base da estrutura hierárquica, o servo é quem deveria se ajoelhar com a toalha e a bacia, porém neste caso quem está com a bacia é o Senhor dos senhores.
4. As mãos que formaram as estrelas, agora lavavam a sujeira dos pés, os dedos que formaram as montanhas, agora esfregavam os dedos.
5. Aquele que diante Dele todos se ajoelharão, é Aquele quem se ajoelha.
6. Mais do que simplesmente removendo a sujeira, Jesus estava removendo a dúvida (e mostrando o seu amor).
7. Jesus conhece o futuro de cada pé que lavou, e sabe que no dia seguinte, estes pés não o seguirão.
8. Jesus lavou os pés de todos, inclusive o de Judas que o abandonou naquela mesma noite, os pés lavados de Judas, logo após estavam postos na corte de Caifás.
9. Pela manhã, no dia seguinte, sepultaram suas cabeças na vergonha e olharam para seus pés com amargura.
10. Mas Jesus quer que pela manhã, eles olhem para os seus pés e se lembrem dos seus joelhos dobrados diante deles.
11. E se lembrem do que Jesus disse: ‘O que eu faço não sabes tu agora, mas tu o saberás depois.

ECO DA VIDA


Um pequeno garoto e seu pai caminhavam pelas montanhas.
De repente o garoto caí, se machuca e grita:
- Aaí!!!!
Para sua surpresa escuta a voz se repetir, em algum lugar da montanha:
-Aaí!
Curioso, pergunta: - Quem é você?
Recebe como resposta: - Quem é você?
Contrariado, grita: - Seu covarde!!!
Escuta como resposta: - Seu covarde!!!
Olha para o pai e pergunta aflito: - O que é isso?
O pai sorri e fala: - Meu filho, preste atenção!!!
Então o pai grita em direção à montanha: - Eu admiro você!
A voz responde: - Eu admiro você!
De novo o homem grita: - Você é um campeão!
A voz responde: - Você é um campeão!
O garoto fica espantado sem entender nada.
Então o pai explica:
- As pessoas chamam isso de ECO, mas na verdade isso é a VIDA. Ela lhe dá de volta tudo que você diz ou faz. Nessa vida, é simplesmente o reflexo das nossas ações. Se você quer mais amor no mundo, crie mais amor no seu coração. Se você quer mais responsabilidade na sua equipe, desenvolva a sua responsabilidade. Se você quer mais tolerância das pessoas, seja mais tolerante. Se você quer mais alegria no mundo, seja mais alegre. Tanto no plano pessoal, quanto no profissional e espiritual, a vida vai lhe dar de volta o que você deu a ela.


SUA VIDA NÃO É UMA COINCIDÊNCIA; SUA VIDA É A CONSEQUÊNCIA DE VOCÊ MESMO.

O AMOR

Texto base: Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas de fato e de verdade.
E nisto conheceremos que somos da verdade, bem como, perante ele, tranqüilizaremos o nosso coração; pois, se o nosso coração nos acusar, certamente, Deus é maior do que o nosso coração e conhece todas as coisas. Amados, se o coração não nos acusar, temos confiança diante de Deus; e aquilo que pedimos dele recebemos, porque guardamos os seus mandamentos e fazemos diante dele o que lhe é agradável.
1 Jo 3.18-22


O autor, apóstolo João, escreveu esta epistola no não de 85 d.C. e ele estava em Éfeso.
A palavra amor, no dicionário Aurélio, é descrita da seguinte forma: forte afeição de uma pessoa para com a outra.
Wiliam Shakespeare descreve o amor como: “Limites de pedra, não podem conter o amor e o que o amor pode fazer, isso o amor ousa fazer”!!!
Já Russel Norman Champlin diz que o oposto de injustiça, não é justiça, mas sim amor!
Nos dias atuais as faculdades de filosofia ensinam que o amor não existe, e sim o gostar, que quando se fortalece se transforma em paixão e esta não dura para sempre, porque é emoção e quando a paixão se prolonga, o homem usa o termo AMOR para designar tal sentimento.

A bíblia diz em:
Gálatas 5: 22 – que o primeiro fruto do Espírito é o amor;
1 João 4.8 – que Deus é amor (o amor de Deus é incondicional, ele te ama e pronto!);
1 João 4.7 – Todo o que é nascido de Deus ama;
João 3.16 – Porque Deus amou o mundo de tal maneira que enviou o seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crer, não pereça, mas tenha a vida eterna.

O verdadeiro amor que vem de Deus:
- Transpõe barreiras...
- Lança fora todo o medo...
- Nos ensina a não temer...!!!

DEUS QUER RESTAURAR OS OSSOS SECOS E TRANSFORMAR EM UM GRANDE EXÉRCITO


Texto base: Veio sobre mim a mão do Senhor; ele me levou pelo Espírito do Senhor e me deixou no meio de um vale que estava cheio de ossos, e me fez andar ao redor deles; eram mui numerosos na superfície do vale e estavam sequíssimos. Então, me perguntou: Filho do homem, acaso, poderão reviver estes ossos? Respondi: Senhor Deus, tu o sabes. Disse-me ele: Profetiza a estes ossos e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do Senhor. Assim diz o Senhor Deus a estes ossos: Eis que farei entrar o espírito em vós, e vivereis. Porei tendões sobre vós, farei crescer carne sobre vós, sobre vós estenderei pele e porei em vós o espírito, e vivereis. E sabereis que eu sou o Senhor.
Então, profetizei segundo me fora ordenado; enquanto eu profetizava, houve um ruído, um barulho de ossos que batiam contra ossos e se ajuntavam, cada osso ao seu osso. Olhei, e eis que havia tendões sobre eles, e cresceram as carnes, e se estendeu a pele sobre eles; mas não havia neles o espírito. Então, ele me disse: Profetiza ao espírito, profetiza, ó filho do homem, e dize-lhe: Assim diz o Senhor Deus: Vem dos quatro ventos, ó espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam. Profetizei como ele me ordenara, e o espírito entrou neles, e viveram e se puseram em pé, um exército sobremodo numeroso.
Ez 37.1-10.

O nome Ezequiel vem do hebraico Yekhezkale, que significa Deus fortalecerá. O profeta Ezequiel profetizou em 592 a.C.

1. Ezequiel era conhecido como o profeta das visões (você precisa ter visões de Deus).

2. O Senhor levou o profeta para o vale de ossos secos (você precisa entender que às vezes Deus te leva para o vale. O profeta aqui simboliza o povo de Deus).
- todos nós temos que passar pela fase dos osso secos na nossa vida;
- é a fase em que tudo fica seco: sonhos, oração, pregação, louvor.
-decomposição da sua vida espiritual, a desmaterialização dos seus sonhos;
- nada dá certo, nada flui, tudo dá errado.


3. Diz a Bíblia, que os ossos estão sobre o vale (os ossos não estão enterrados, estão sobre o vale)
- ainda não acabou, está lá (você está aqui na igreja).


4. Você conhece alguém que se preocupa com ossos? Deus se preocupa!! Ele se preocupa com você!!

5. Depois, Deus pergunta: ‘Poderão reviver estes ossos’? E o profeta responde: ‘Senhor tu sabes’; então o Senhor diz: ‘profetiza’!
- Você precisa reconhecer que o Senhor sabe de todas as coisas e está no controle de tudo, assim como Ezequiel fez.
- você precisa profetizar no vale, PROFETIZA!!!

Deus vai usar três coisas aqui:
Homem: Deus conta com você.
A Palavra de Deus: Não se pode negligenciar a Palavra.
Espírito: O Espírito de Deus vai se manifestar de uma forma tremenda!


6. Todos os ossos voltaram para o lugar (tudo volta para o seu devido lugar).


7. No fim se levanta um grande exército.


OS OSSOS HOJE PODEM SER APENAS OSSOS, MAS AMANHÃ PODEM SER UM GRANDE EXÉRCITO, PORQUE DEUS MUDA SITUAÇÕES!!!!!

AS SETE IGREJAS DO APOCALIPSE


Texto base: Ao anjo da igreja em Filadélfia escreve:
Estas coisas diz o santo, o verdadeiro, aquele que tem a chave de Davi, que abre, e ninguém fechará, e que fecha, e ninguém abrirá: Conheço as tuas obras – eis que tenho posto diante de ti uma porta aberta, a qual ninguém pode fechar – que tens pouca força, entretanto, guardaste a minha palavra e não negaste o meu nome. Eis farei que alguns dos que são da sinagoga de Satanás, desses que a si mesmos se declaram judeus e não são, mas mentem, eis que os farei vir e prostrar-se aos teus pés e conhecer que eu te amei. Porque guardaste a palavra da minha perseverança, também eu te guardarei da hora da provação que há de vir sobre o mundo inteiro, para experimentar os que habitam sobre a terra.Venho sem demora. Conserva o que tens, para que ninguém tome a tua coroa. Ao vencedor, fá-lo-ei coluna no santuário do meu Deus, e daí jamais sairá; gravarei também sobre ele o nome do meu Deus, o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém que desce do céu, vinda da parte do meu Deus, e o meu novo nome. Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.
Ap 3.7-13.



Primeira carta: Igreja de Éfeso
- a igreja que deixou o primeiro amor;
- ela precisava lembrar aonde havia caído e se arrepender;
- ela precisava voltar às primeiras obras.

Segunda carta: Igreja de Esmirna (igreja perseguida)
- é a igreja que tem obras;
- é a igreja que passa por tribulação;
- é exortada a permanecer fiel até a morte, ganhando assim, a coroa da vida.

Terceira carta: Igreja de Pérgamo (igreja mundana)
- é a igreja que habita aonde está o trono de Satanás;
- é a igreja herética, das portas largas;
- é a igreja que o Senhor diz que brevemente virá contra ela e batalhará com a espada da sua boca.


Quarta carta: Igreja de Tiatira (igreja de falsas doutrinas)
- é a igreja mundana que Deus deu tempo para se arrepender, mas não se arrependeu.
- é a igreja adúltera, que se prostitui

Quinta carta: Igreja de Sardes (igreja morta)
- é a igreja que tem nome de que vives, mas está morta;
- é a igreja que não retém a palavra.

Sexta carta: Igreja de Filadélfia (igreja fiel)
- é a igreja do arrebatamento;
- é a igreja do amor fraternal;
- é a igreja que tendo pouca força, guardou a palavra;
- é a igreja que Deus trará seus inimigos diante dela prostrados, para que saibam que Deus a ama!

Sétima carta: Igreja de Laodicéia (igreja insensível e apóstata)
- é a igreja oscilante: nem fria, nem quente;
- é a igreja que vai ficar (será vomitada por Deus);
- é a igreja que se diz rica e que não tem falta de nada;
- é a igreja que é desgraçada, miserável, pobre, cega e nu;
- que precisa comprar de Deus ouro provado no fogo;
- é a igreja que precisa se arrepender em quanto é tempo.

AMOR




Nada nos pode separar do amor de Deus. A Bíblia diz em Romanos 8: 38-39 “Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem anjos, nem principados, nem coisas presentes, nem futuras, nem potestades, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor”.
O amor de Deus é um amor de sacrifício. A Bíblia diz em João 3:16 “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que Nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”.
O amor de Deus dura para sempre. A Bíblia diz em Salmos 136:1 “Daí graças ao Senhor, porque Ele é bom; porque sua benignidade dura para sempre”.
Como a Bíblia descreve o amor? A Bíblia diz em 1 Coríntios 13:4-7 “O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não se vangloria, não se ensoberbece, não se porta inconvenientemente, não busca os seus próprios interesse, não se irrita, não suspeita mal; não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta”.

A bíblia diz que devemos amar-nos uns aos outros. A Bíblia diz em 1 João 2:7-8 “Amados, não vos escrevo mandamento novo, mas um mandamento antigo, que tendes desde o princípio. Este mandamento antigo é a palavra que ouvistes. Contudo é um novo mandamento que vos escrevo, de que vos ameis uns aos outros, o qual é verdadeiro nele e em vós; porque as trevas vão passando, e já brilha a verdadeira luz.
O amor não é só para amigos. A bíblia diz em Mateus 5: 43-44 “Ouviste que foi dito: Amarás ao teu próximo, e odiarás ao teu inimigo. Eu, porém, vos digo: Amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem”.
O amor é o resumo da lei de Deus. A Bíblia diz em Mateus 22: 37- 40 “Respondeu-lhe Jesus: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua lama, e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas”.
Podemos mostrar o nosso amor a Deus, guardando os Seus mandamentos. A Bíblia diz em 1 João 5: 3 “Porque este é o amor de Deus, que guardemos os seus mandamentos; e os seus mandamentos não são penosos”.
Não deixe que o seu amor por Deus se enfraqueça. A Bíblia diz em apocalipse 2: 4-5 “Tenho, porém, contra ti que deixaste o primeiro amor. Lembra-te, pois donde caíste, e arrepende-te e pratica as primeiras obras; e se não, brevemente virei a ti e removerei do seu lugar o teu candeeiro, se não te arrependeres”.



DEUS VOS ABENÇÕE!


sexta-feira, 24 de julho de 2009

Não basta ter talento, tem que ter carater.

Talento é um dom inerente ao ser desde o nascimento, mas o carater é uma escolha que faz diferencial.

Jó 1:8 - E disse o Senhor a Satanás: Observaste tu a meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem sincero, e reto, e temente a Deus.


Dn 6:4 - Então, os príncipes e os presidentes procuravam achar ocasião contra Daniel a respeito do reino; mas não podiam achar ocasião ou culpa alguma; porque ele era fiel, e não se achava nele nenhum vício nem culpa.


Mt 11:11 - Em verdade vos digo que, entre os que de mulher têm nascido, não apareceu alguém maior do que João Batista; mas aquele que é o menor no Reino dos céus é maior do que ele.


Pv 10:9 - Quem anda em sinceridade anda seguro, mas o que perverte os seus caminhos será conhecido.


A grandeza de um país não está na grandesa do seu território, e sim no carater de seus habitantes.

A única coisa que volta do túmulo é o carater do homem. O que o homem é não pode ser enterrado.

Hoje em dia a grande enfase está no ''ter'' e não no ''ser''. As preocupações estão em torno do ter e não em torno do ser.

De nada adianta ''ter'' e não ''ser'', o importante é ''ser'' para ''ter'', até porque ''ter'' sem ''ser'' mais cedo ou mais tarde vai perder, porque para ''ter'' é necessário ''ser'' para saber manter.

E Deus nos valoriza não pelo ''ter'' e sim pelo ser , por que Ele sabe que fazer sem ''ser'' gera problemas, e nesse sentido o apóstolo Paulo nos orientou em sua segunda carta a Timóteo no capítulo 3 e no versículo 15 - procura apresentar-se a Deus como obreiro aprovado, que não tem do que se envergonhar e que maneja bem a palavra da verdade.


O carater é soma dos seus pensamentos , hábitos e atitudes ao longo do tempo. Carter é aquilo que Deus sabe que você é, e não quilo que você pensa que é.

Seus amigos, colegas, filhos, pastor, esposa, namorada e até você mesmo te conhecem até um ponto. Mas só Deus conhece o homem completamente.

Seu carater determina quem você é ,

Quem você é determina o que você vê,

O que você vê determina o que você pensa,

E o que você pensa determina o que você faz.


Quanto maior for o seu sonho, mais concistente tem que ser o seu carater.

Talento é um dom, mas carater é uma escolha. Muitas coisas você não pode escolher, mas carater você pode.


Fzer sem ser :

Mt 7:15 - Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores.

Mt 7:20 - Portanto, pelos seus frutos os conhecereis.

Mt 7:21 - Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no Reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.


Por isso meu amado irmão, buscai primeiro o reino de Deus e sua justiça e as demais coisas vos seram acrescentadas. Passe a se preocupar com o ser , e Deus se encarregara de te abençõar com o ter.

Quando se adquire um carater pautado nas escrituras, o uma vida criatã autentica, você não precisa correr atráz da benção, ele passará a correr atraz de você!!!

Que Deus te abençõe.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Naturezas em conflito




Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero esse faço. (Rm. 7.19).


Por que depois da conversão temos a impressão de que a luta espiritual aumenta? Por que pessoas convertidas sentem vontade de praticar o mal? É possível harmonizar o que sabemos que devemos fazer com aquilo que realmente desejamos praticar? O próprio apóstolo Paulo não conseguia viver à altura dos princípios que conhecia. Por vezes sentia como que se dentro dele, existissem duas pessoas que lutavam entre si para assumir o controle de sua vida. Em varias ocasiões ele pensou que talvez não estivesse convertido. Ele descreve essa luta na carta que escreveu aos Romanos: Porque o que faço não o aprovo, pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço... Miserável homem que eu sou! quem me livrará do corpo desta morte? (Rm 7:15-24).

Muitas vezes ouvimos a pergunta: pastor, eu acho que não estou convertido. Constantemente sinto vontade de pecar. A minha vida é um permanente conflito. Quero servir a Jesus, mas ao mesmo tempo sinto vontade de fazer coisas erradas. Tem solução para mim? Por alguma razão, temos a idéia de que no momento da conversão a nossa luta acaba e que a partir desse momento, não pecaremos mais; seremos perfeitos, no sentido de ser exemplo de vida para outros. Mas por que é que a partir do momento que nos entregamos a Cristo a nossa luta se torna maior e o conflito aumenta?

Precisamos entender o que acontece no momento da conversão. Muitos têm a idéia de que na hora da conversão Deus tira de nós a natureza pecaminosa e a joga fora para sempre, colocando em substituição a nova natureza que gosta de obedecer e amar. Seria maravilhoso se fosse assim, já que nunca mais teríamos vontade de pecar. A fonte da "concupiscência e das paixões deste mundo" não existiria mais. Infelizmente não é assim que sucedem as coisas. Ao converter-nos, Deus coloca dentro de nós uma nova natureza, a natureza de Cristo. Mas o que acontece com a velha natureza pecaminosa? Ela não sai como muitos imaginam, fica ali, agonizante. Aquela parte que existe dentro de nós que gosta de pecar, foi esmagada e mortalmente ferida. Depois da conversão passamos a ser pessoas com duas naturezas: a natureza de Cristo, nova, recém-implantada e a velha natureza pecaminosa, "esmagada e mortalmente ferida" que continua dentro de nós. O ideal seria que a velha natureza permanecesse sempre "mortalmente ferida". Mas essa situação não é definitiva; é circunstancial. Na primeira oportunidade que receber alimento, ela ressuscitará; e se continuar sendo alimentada, ela recuperará completamente as forças e lutará para expulsar de nossa vida a nova natureza.É por isso que depois da conversão a luta aumenta. O homem sem Cristo tem uma só natureza, a natureza com que nasceu e essa natureza faz as coisas erradas na hora que deseja. Não existe ninguém para se opor. Não existe luta, não há conflito. Mas a partir do momento que você entregou sua vida a Cristo, você experimentou o milagre da conversão, tem agora uma nova natureza e ela se opõe à velha. Por isso, a vida da pessoa não convertida, pode parecer mais leve. Ele só tem uma natureza e ela assume o controle da vida, não tem oposição. Mas logo depois da conversão, quando o homem pensa que a velha natureza foi embora, descobre que ela continua dentro e o conflito começa. São duas naturezas e as duas estão lutando. Paulo conseguiu entender este conflito quando escreveu: Porque os que são segundo a carne inclinam-se para as coisas da carne; mas os que são segundo o espírito para as coisas do espírito... Mas, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele (Rm 8:5-9).

As duas naturezas estão em luta, uma delas vencerá, uma delas assumirá o controle completo de sua vida, uma delas sobreviverá e a outra morrerá. Qual delas será a vitoriosa? Isso vai depender de sua decisão. Só uma das naturezas poderá assumir por completo o domínio de sua vida, e sem dúvida será aquela que for melhor alimentada. Ocorre que os indivíduos, geralmente, alimentam mais a natureza pecaminosa e esta é a causa de nosso fracasso constante, mesmo depois de nossa conversão. Deus realizou em nós o milagre da conversão, implantou em nosso coração a nova natureza, mas não cuidamos dela, não a alimentamos e em conseqüência a velha natureza está sempre tomando o controle de nossa vida.

A nossa vitória e em conseqüência, a nossa felicidade na vida cristã, depende de como alimentamos a natureza de Cristo e matamos de fome a outra. E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências(Gl 5:24). Temos que manter nossa velha natureza pregada na cruz. Enquanto estivermos neste mundo, não há modo de nos livrarmos da natureza velha completamente. Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai (Fl 4:8). Ele está falando do alimento da nova natureza. Ele tinha descoberto finalmente o segredo da vida vitoriosa. Ele não alimentava mais a velha natureza. A natureza de Cristo tinha assumido agora o controle de sua vida. Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne vivo-a na fé do Filho de Deus.(Gl 2:20).

Cristo garantiu a sua vitória na cruz. Nos momentos em que você acha que todo mundo o abandonou, que você nunca conseguirá, que você é um fracasso completo, lembre-se de que Ele está aí, amando-o, perdoando-o, sustentando-o.

Monte Sinai, oficina de Deus.



O objetivo dessa ministração é trazer entendimento sobre o processo que se desenvolve entre a promessa feita e a conquista dela.
Deus não pode nos promover a um nível de incapacidade
Sim, com raras exceções, quando recebemos uma promessa geralmente estamos longe da estrutura adequada para herdá-la.
Não há duvida que dependendo da envergadura da promessa, precisamos percorrer um grande caminho. Foi assim com José, Davi, e muitos que receberam promessas.
Podemos afirmar que tudo depende da determinação de cada um em prosseguir ao alvo, e isso, pelo caminho que Deus estabelecer para cada um de nós.O Apóstolo Paulo diz: ...”E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos”. Gálatas 6:9
A dura tarefa de reprogramação da mentalidade escrava
Quero começar com uma pergunta: ...de onde você saiu?Sim, ninguém nasce com o espírito excelente, medíocre ou miserável. Eu não creio que a excelência é acidental.
Na verdade cada um de nós foi condicionado a ter o comportamento que temos. Alguns por exemplos que teve durante a vida, outros, por circunstâncias,outros por influencias ou tudo junto.
Seja como for, Deus é poderoso para fazer de cada um de nos um vaso novo, segundo o seu querer.
Agora, você há de convir que: “é mais fácil construir um menino do que consertar um homem feito”.Creio que pensando nisso, Jesus declarou: “Em verdade vos digo que qualquer que não receber o Reino de Deus como uma criança não entrará nele” Lucas 18:17 .
Vamos tomar o exemplo de Moisés e o povo de Israel
Para quem pensa que “o grande trabalho de Moisés” era retirar aquele grande povo da escravidão, do poder de Faraó, está muito enganado. Com certeza a maior tarefa era transacionar a mente condicionada de um povo escravo, em uma mente livre e submissa. “isso é quase um paradoxo”.
Talvez esse seja o exemplo mais claro para os pastores que lutam em seu ministério.Você, pastor ou líder ganhou almas para Jesus?... Parabéns! Mas, o trabalho está só começando. Na verdade, o tempo de deserto ao qual Moisés foi submetido não foi para lhe capacitar à voltar ao Egito, Não! Foi para construir um homem capaz de guiar e trabalhar um povo no deserto, “alias, diga-se de passagem, o mesmo lugar onde teve seu encontro com Deus”.
Vamos cavar um pouco mais!
Moisés um homem construído desde seu nascimento
Moisés viveu 120 anos, vamos fazer as contas
40 anos no Egito, aprendendo os protocolos da Nobreza
40 anos no deserto perdendo a arrogância adquirida e aprendendo como sobreviver em terreno hostil.
40 anos executando a tarefa, crescendo no exercício do ministério.
É isso mesmo, Deus é um Deus de propósito, ele preparou Moisés desde o começo para executar essa grande obra.
Deus está preparando você, trabalhando em sua estrutura, te animando com promessas.
E quando o vaso resiste?
Sabe o que atrasa a obra?Material difícil de trabalhar.
Sim, gente que pensa está pronta, e corre para fazer as coisas de seu modo.Até mesmo Moisés quis fazer as coisas do seu jeito, creio que ele tinha a promessa em seu coração, mas como muitos de nos, não suportava esperar a “demora de Deus”
É assim que você é?Cansa-se de esperar e manda vê?
Na vida de Moisés tudo parecia estar acabado, pastor de ovelhas, morador do deserto, longe de tudo e de todos, mas, em meio a esse isolamento, Deus estava construindo características fundamentais para a missão, ”Paciência e Mansidão”.O problema das conquistas sem base para sustentar
Muitos obreiros ganham dezenas de perdidos para o Senhor, mas quando os perdidos tomam consciência do caráter de alguns obreiros, fogem deles.Esses obreiros são guerreiros, Deus os ama; oram, evangelizam, mas não entendem nada sobre paternidade.
Tivemos uma grande prova em nossa igreja, alguns eram exímios evangelistas, mas não conseguiam fazer discípulos de verdade, outros eram excelentes discipuladores, mas não tinham a habilidade para ganhar o perdido.
Graças a Deus pela unidade do corpo, Deus nos fez ver que podemos crescer usando o que cada um tem de melhor.
Lugares de confrontos- Tratamento espiritual em territórios físicos
Hoje gostaria de destacar algumas coisas que aconteceram naquele lugar de encontro com Deus.

Certa vez li que a vida tem dois instrutores: ”um se chama Sabedoria, outro conseqüência”, Deus sempre nos convida à restauração pelo novo entendimento, mas, não são poucas as vezes que precisa usar a dor das conseqüências.
Muitos homens e mulheres na bíblia tiveram um encontro especial com Deus. Nesses encontros podemos ver nitidamente que Deus sempre escolheu lugares físicos para servir de memorial para mudanças espirituais e históricas.
Deus escolheu Moriá para marcar e deixar registrada a fidelidade de Abraão;
Deus escolheu Peniel para trabalhar o caráter de Jacó;
Deus escolheu o Egito para formar o caráter de José;
Deus escolheu o Carmelo para uma decisão nacional;

Um desses lugares “favoritos” de Deus e o Monte Sinai, lá Deus tratou Moisés, lá Deus doutrinou Israel, lá Deus renovou Elias
Um dos versículos que marcou o Sinai como ponto de encontro foi Êxodo 3:12 .
Verso 12: E Deus disse: Certamente eu serei contigo; e isto te será por sinal de que eu te enviei: quando houveres tirado este povo do Egito, servireis a Deus neste monte.
Sim, Deus Escolheu o monte Sinai como o lugar físico para uma reforma espiritual, mental e “almática” no povo de Israel.
O Monte Sinai seria a oficina de Deus para construir de uma matéria prima difícil, uma nação livre e submissa.
Veja algumas lições importantes do Sinai:
Lugar de transição de valores, dos milagres para os princípios.

Sim, até chegar ao Sinai Deus guiou seu povo por milagres, mas ao chegar no Sinai, Deus iniciou o processo para que andassem por princípios. ( A Lei ).Nós, muitas vezes precisamos de milagres, mas não podemos depender deles para sermos fiéis. Os princípios de Deus precisam ser valores inegociáveis para o governo da nossa vida, ministério e igreja
O lugar onde Deus testa nossa fidelidade.
Moisés apaixonado por Deus se recusava ir adiante, sem a presença Dele;
O povo ao contrário, desde que chegassem onde queriam, seu deus poderia ser qualquer um, até um bezerro.
O lugar onde recebemos a estratégia de Deus.
Foi no monte de Deus que Jetro sogro de Moisés, veio encontrá-lo e ensinar uma nova estratégia para cuidar do rebanho.
O lugar onde nosso compromisso com a casa de Deus é testada.
Foi no Sinai onde Moisés recusou a Deus para destruir o povo e fazer dele uma nova Nação.Essa fidelidade de Moisés ficou registrada e n mesmo Sinai Deus declara a Arão e Miriã, que Moisés era fiel a toda sua casa.
Conclusão
Você jamais estará pronto até amar aquilo que Deus ama!A igreja não é um trampolim para fama, riquezas, poder ou qualquer outro deseja da carne, a igreja é a casa de Deus, e nos estamos no processo de libertação e aperfeiçoamento.
Shalon!!

Minha esperança está no Senhor.



Salmo 39.7- Agora , pois, Senhor , que espero eu ? A minha esperança está em ti .

O salmo 39 é uma suplica, oração creditada ao rei Davi escrita ao cantor –mor Jedutum,em meio a sua suplica Davi faz uso desta frase que me chama a atenção ! ( A minha Esperança está em Ti. )
Davi acaba de declarar que em tempos difícieis, em tempos de crise, em tempos trabalhosos, devemos manter nossa esperança no Senhor !
O que é esperança? O Dicionário Brasileiro o globo diz que esperança é o ato de esperar algo com expectativa e confiança .
E baseado nisto eu quero lhe dizer que existem vários tipos de esperança: Esperança na política, no dinheiro, em imagens, objetos, pessoas, em simpatias, videntes , cartomantes, exotéricos, astrólogos, no seu próprio intelecto, no seu dons , na mega Sena, no bingo, no jogo do Bicho...
Esperança natural e a sobrenatural;
Natural : Todo homem tem de se formar , de adquirir uma casa própria, um carro, algumas viagens quem sabe.
Sobrenatural: você crê que um dia iremos alcançar a perfeição, que vamos ser eternos, e vamos ver Jesus como ele é , e que vamos morar no céu!
Pv. 14.32- pela sua malícia será lançado fará o ímpio; (Natural) mas o justo até na sua morte tem esperança ( sobrenatural)
Pv. 26.12- Tens visto um homem sábio ao seus próprios olhos, maior esperança há em um tolo do que nele!
São homens que a sua esperança não está em Deus
Ezequiel 37.11.b- nossos ossos se secaram e pereceu a nossa esperança.
Quando a sua esperança em Deus acaba tudo fica seco.
A nossa esperança não está na política, na economia , na polícia, e nem nos médicos apesar de precisarmos deles, mas a nossa esperança ela está sobretudo em Deus!
Não me importa o que eles dizem a ultima palavra é do Senhor!
Rm. 5.3- Diz que a tribulação produz a paciência, a paciência produz experiência , a experiência produz a Esperança ! Que não traz confusão porque o amor de Deus está derramado em nossos corações.
( Tenha esperança!)
Sabe porque a bíblia foi escrita? Para que você tenha esperança ! Rm.15.4- porque tudo que dantes foi escrito para nosso ensino foi escrito para que pela paciência e consolação das escrituras tenhamos esperança.
Esperança é a perseverante confiança em Deus ! Confie em Deus por que ele pode mudar a sua história!!!

Nunca deixe de Sonhar!!



Texto base: Gn 37. 5-19

Augusto Cury: Os sonhos são como a semente de uma flor nos terrenos da inteligência, e crescem nos vales secretos da mente humana.

Mater Luter King: disse: eu tenho um sonho !!
Os sonhos inspiram o poeta, animam o escritor, arrebata o estudante, abre a inteligência dos cientistas e dão ousadia ao líder.
Existem dois tipos de Sonhos : Acordado e Dormindo.

Sonhos dormindo: São pequenos filmes que resgatam lembranças do passado dando novas cores e sabores ao presente, ou são provocados pelo nosso estado mental e até mesmo devido a má alimentação.

Sonhos acordado: Quando esperimentamos a dor, aflição, o amor ou fortes emoções e atravéz delas você sonha acordado !

Lutero, Savonarola, Sporgeon, Jhon wesley, Witfild, Carl Back, Davi, Moisés, Paulo, os pais da igreja ( Todos foram grandes sonhadores!!
Todos os grandes homens que colaboraram significativamente para a mudança na história, foram grandes sonhadores !!!

A criança e o sábio
Uma criança perguntou para o sábio:
Qual é o tamanho do universo?
O sábio respondeu é do tamanho do seu mundo.
A criança perguntou novamente:
Qual é o tamanho do meu mundo ?
O sábio respondeu:
O seu mundo é do tamanho dos seus sonhos !!!

( Se você sonha grande seu mundo é grande, mas se você sonha pequeno seu mundo é pequeno).
Se a sua visão é diminuta mediucre isso reflete no seu estado de vida!!
Se a sua visão é pequena você será pequeno, mas se a sua visão for grande você será grande!!
Nenhum homem jamais alcança além dos seus sonhos!
Deixar de Sonhar é deixar de viver ! Se você já deixou de sonhar, você está prestes a ser sepultado vivo.
Os sonhos regam a axistência com sentido!
‘’Sonhar não é uma opção, sonhar é uma questão de sobrevivência!’’
‘’Ninguém vive com consistência a sua existência sem sonhar !’’
‘’ Os sonhos transformam os miseráveis em reis, e a ausência dos sonhos trasformam os reis em miseráveis !’’
‘’ Só sonha quem crê no poder de Deus para transformar a sua vida !! ‘’
Todas as grandes mudanças na sociedade, no campo político,social, tecnológico,teológico, espiritual e emocional foram feitas pelos grandes sonhadores .
‘’ Você é do tamanho dos seus sonhos ‘’
Sonha grande porque o seu Deus é grande !!!
Tudo o que existe foi criado 2 vezes; 1- na mente e 2- na prática.
Ou seja primeiro alguém sonhou, pensou, imaginou e projetou e só depois em um segundo instante veio a axistir.
Abraão= 1 olha para as estrelas, olha para terra ( figura na mente)
2- Assim será a sua descendencia.( prática)

José sonhou com feiches, sol e lua 1-( figura na mente)
2- Ele se tornou governador do egito ( na prática)
Por que é que Deus inspira os seus filhos a terem sonhos ?
Deus usa sonhos exepcionais para lhe dar objetivos na vida.
E só tem objetivo na vida quem sonha os sonhos de Deus na terra!

* Fique atento por que o diabo vai tentar te fazer desistir dos seus sonhos.
( Crer e sonhar) são duas coisas que caminham juntas.

Se você ja perdeu a esperança e não sabe por onde começar a sonhar eu vou te judar: comece a sonhar grande c/ a Igreja, coma cidade, com a família, com o casamento, com filhos, com o futuro.
Hc. 2.2- '' O sonho tem que ser registrado ''
Escreve, desenhe, projete o seu sonho!!!

Pare com esse pensamento pequeno; '' eu tenho uma casinha, trabalho em um empreguinho, tenho uma garaginha, ando em um carrinho que se não pegar os irmão dá uma empurradinha, viu meu Jesusinho, HOOOO visão desgraçadinha !!!

SONHE GRANDE PORQUE O SEU DEUS È GRANDE!!!
Sonho grande demora um tempo e nós precisamos da virtude da paciência!
Um ''sonhador realizador'' não tem presa !
Ele espera o tempo de Deus !
José esperou o tempo de Deus !
Davi esperou para assumir o trono !
'' Não existe coroa de glória sem antes passar pela coroa de espinhos!
Tem que pagar o preço!''
Cuidado com os destruidores de Sonhos!

Que Deus te abençõe!!!

Humildade é ser simplesmente como Jesus !


'' Se aquele que é a vida, desceu para morrer por nós!''

'' Se aquele que é o pão, desceu para ter fome ! ''

'' Se aquele que é o caminho, desceu para se cansar na caminhada ! ''

'' Se aquele que é a fonte, desceu para ter sede !''

'' Se aquele que é Deus, desceu para ser homem ! ''

'' Quem é você para não descer ? ! ''

quarta-feira, 22 de julho de 2009

A caverna de Adulão


Adulão foi uma cidade pertencente ao território de Judá e ofereceu condições favoráveis para que Davi ali se refugiasse da ira e da perseguição implacável que o rei Saul empreendeu. O livro de 1 Samuel narra que na caverna de Adulão o escolhido de Deus retirou-se por algum tempo e que foi durante aquele período que cerca de quatrocentos homens vieram espontaneamente unir-se a Davi.


Eis os relatos bíblicos acerca dos novos companheiros de Davi: Ajuntaram-se a ele todos os homens que se achavam em aperto, e todo homem endividado , e todos os amargurados de espírito, e ele se fez chefe deles ( 1 Sm 22:2) .

Os problemas que caracterizavam os homens que vieram a Adulão são exatamente as principais carências das pessoas que Jesus Cristo se dispõe a receber atravéz da Igreja.


a) Pessoas que se acham em aperto: È o mesmo que estar oprimido, sufocado. Em Mateus 11:28- Jesus convida: Vinde a mim todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. A Igreja anuncia o evangelho do Reino, que nada mais é do que a mensagem de que o homem pode ser livre do julgo que lhe oprime, conquanto que creia e confesse a Jesus Cristo como seu Senhor.


b) Pessoas endividadas : Todo ser humano é cativo por causa do pecado, da dívida que tem para com o criador . Jesus Cristo, o Filho de Davi, levou para a cruz o escrito de dívida que constava contra nós ( Cl 2:14 e 15). Ao crer e confessar Jesus Cristo como Senhor o cativo é liberto, a dívida é cancelada, a vida remida é remida. O preço pago foi o sangue derramado na cruz ( 1 Pe 1:18 e 19).

A Igreja anuncia perdão da divida aos endividados.


c) Pessoas amarguradas de Espírito: A obra de Jesus é completa. O Espírito Santo age atrvés da Igreja e cura as pessoas enfermas de alma. A Igreja é o lugar onde as pessoas recebem os benefícios oferecidos por Jesus : Tu me faz ver os caminhos da vida ; na tua presença há plenitude de alegria, na tua destra, delícias perpetuamente ( Salmo 16:11).


Meu desejo e oração é que centenas de pessoas oprimidas, endividadas e amarguradas venham se unir a Igreja de Cristo Jesus na terra e se tornem verdadeiros vencedores em Cristo na terra.

Vaso escolhido


Texto base : Jeremias 18.2 - Levanta, e desce a casa do oleiro, e lá te farei ouvir as minhas palavras.


Olhando e analizando a bíblia sagrada chegamos a conclusão de que o segredo não está em como se começa, e sim em como se termina.

De nada adianta começar bem e terminar mau; As vezes é melhor que o começo seja difícil e complicado mas no fim as coisas se acertem, como diz em Eclesiastes 7:8- Melhor é o fim das coisas do que o princípio delas.

Quantos que começaram bem e hoje estão maú:

Começaram crentes e hoje estão desviados,

começaram lendo a bíblia e hoje estão lendo revista pornográfica,

começaram na obediência e hoje estão desobediência,

começaram na silplicidade e hoje estão na soberba,

começaram em pé e hoje estão caídos,

começaram perto de Deus hoje estão afastados de Deus,

começaram ganhando e hoje estão perdendo,

começaram na unção e hoje estão na sequidão,

começou cheio e hoje está vazio.


Davi- Começou derrubando o gigante golias e terminou em um quarto adulterando com Betseba.


Sansão - Começou derrotando 1000 filisteus com uma queixada de jumento sendo aplaudido e ovacionado por todos, mas terminou solitário com o seu cabelo cortado, seus olhos furados e sendo chicoteado pelos seus inimigos.


Judas - Começou sendo chamado por Jesus e vendo os milagres que Cristo fazia e sendo nomeado tesoreiro do ministério de Jesus, mas terminou traindo e v endendo a Jesus por 30 moedas de prata.


O seu princípio pode ter sido pequeno mas o seu último estado crescerá ao extremo!

Eu quero dizer que não importa como tenha sido o seu começo e o seu passado, o que importa é o seu presente e o seu futuro.

Você pode ter comçado mau, tropeçado no meio do caminho, mas melhor é o fim das coisas do que o princípio delas; por isso eu quero dizer que o seu final será de vitória por que tú és um vaso escolhido!


A bíblia fala de vários tipos de vasos, vaso de barro , vaso de prata, vaso de ouro, e todos eles tinham formas diferentes de serem preparados.

E um que se assemelha muito com a nossa preparação espiritual é o vaso de barro que é o único que fabricado e moldado pelo Oleiro ( Deus ).


O vaso é separado, apertado, aquecido, esfriado e só então ele começa a ser moldado pelo Oleiro até que se torna vaso pronta para uso.

Você é um vaso fabricado pelo Oleiro que é Deus, para a habitação do Espírito Santo dentro de Você !!!


Quando você recebe Espírio Santo para habitar em sua vida, o seu brilho muda e fica diferente, os seus sentimentos mudam e até mesmo as suas atitudes mudam, porque você está sendo guiado e direcionado por Deus.

Por isso passe a ouvir a voz do Espírito Santo falar ao seu coração e deixe Ele te guiar pelas águas tranquilas, porque melhor é o fim das coisas qo que o princípio delas, que Deus te abençõe !!!

sábado, 18 de julho de 2009

A idade de ser feliz

Mário Quintana

Existe somente uma idade para a gente ser feliz, somente uma época na vida de cada pessoa em que é possível sonhar e fazer planos e ter energia bastante para realizá-los a despeito de todas as dificuldades e obstáculos.Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente e desfrutar tudo com toda intensidade sem medo nem culpa de sentir prazer.Fase dourada em que a gente pode criar e recriar a vida à nossa própria imagem e semelhança e vestir-se com todas as cores e experimentar todos os sabores e entregar-se a todos os amores sem preconceito nem pudor.Tempo de entusiasmo e coragem em que todo desafio é mais um convite à luta que a gente enfrenta com toda disposição de tentar algo NOVO, de NOVO e de NOVO, e quantas vezes for preciso.Essa idade tão fugaz na vida da gente chama-se PRESENTE e tem a duração do instante que passa.

Sonhos Vindos de Deus


No alto de uma montanha, três árvores sonhavam com seu futuro. A primeira disse assim: Quero ser um baú cheio de tesouros. A segunda disse: Quero ser um grande navio e transportar reis e rainhas. E chegou a vez da terceira árvore, então ela disse: Quero ficar aqui e ser tão grande que, quando olharem para mim, as pessoas se lembrem de Deus, disse a terceira. Um dia, lenhadores cortaram as árvores. Da primeira, fez-se uma manjedoura para animais. Da segunda, um pequeno barco. Da terceira, vigas que ficaram jogadas num depósito.
Todas ficaram desiludidas e tristes com seu destino. Numa bela noite cheia de luz e estrelas, uma mulher colocou seu bebê recém-nascido na manjedoura. E a primeira árvore viu que guardava o maior tesouro do mundo. Anos depois, o barco transportava um homem adormecido quando principiou uma tempestade. O homem levantou-se e disse paz, acalmando a tormenta. E a segunda compreendeu que levava o rei do Céu e da Terra. Tempos mais tarde, numa sexta-feira, as vigas foram unidas em forma de cruz e um homem foi pregado nelas. A terceira árvore sentiu-se terrível e cruel.
Mas, no domingo seguinte, ela soube que o homem havia morrido para salvar a humanidade. As pessoas sempre lembrariam de Deus e de seu Filho quando olhassem para a cruz. A realização dos sonhos das árvores foi muito maior do que elas imaginavam. Assim, nunca deixe de acreditar em seus sonhos, mesmo que aparentemente impossíveis de se realizar.

Bíblia x Celular


Já imaginou o que aconteceria se tratássemos a nossa Bíblia do jeito que tratamos o nosso celular? E se sempre carregássemos a nossa Bíblia no bolso ou na bolsa? E se déssemos uma olhada nela várias vezes ao dia?
E se voltássemos para apanhá-la quando a esquecemos em casa, no escritório... ? E se a usássemos para enviar mensagens aos nossos amigos?E se a tratássemos como se não pudéssemos viver sem ela? E se a déssemos de presente às crianças? E se a usássemos quando viajamos? E se lançássemos mão dela em caso de emergência? Ao contrário do celular, a Bíblia não fica sem sinal. Ela 'pega' em qualquer lugar. Não é preciso se preocupar com a falta de crédito porque Jesus já pagou a conta e os créditos não têm fim. E o melhor de tudo: não cai a ligação e a carga da bateria é para toda a vida.
'Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto'!
(Is 55:6)
Nela encontramos alguns telefones de emergência
  • Quando estiver triste, ligue João 14;
  • Quando as pessoas falarem de você, ligue Salmo 27;
  • Quando você estiver nervoso, ligue Salmo 51;
  • Quando você estiver preocupado, ligue Mateus 6: 19, 34;
  • Quando você estiver em perigo, ligue Salmo 91;
  • Quando Deus parecer distante, ligue Salmo 63;
  • Quando sua fé precisar ser ativada, ligue Hebreus 11;
  • Quando estiver solitário e com medo, ligue Salmo 23;
  • Quando você for áspero e crítico, ligue 1 Coríntios 13;
  • Para saber o segredo da felicidade, ligue Colossenses 3:12-17;
  • Quando sentir-se triste e sozinho, ligue Romanos 8: 31-39;
  • Quando você quiser paz e descanso, ligue Mateus 11: 25-30;
  • Quando o mundo parece maior que Deus, ligue Salmo 90.

Um ótimo fim de semana!!!!!

sexta-feira, 17 de julho de 2009

As três dimensões da visão do profeta Isaías


Texto base: Isaías 6. 1-9

1 No ano em que morreu o rei Uzias, eu vi também ao Senhor assentado sobre um alto e sublime trono; e o seu séquito enchia o templo.
2 Serafins estavam por cima dele; cada um tinha seis asas; com duas cobriam os seus rostos, e com duas cobriam os seus pés, e com duas voavam.
3 E clamavam uns aos outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o SENHOR dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória.
4 E os umbrais das portas se moveram à voz do que clamava, e a casa se encheu de fumaça.
5 Entäo disse eu: Ai de mim! Pois estou perdido; porque sou um homem de lábios impuros, e habito no meio de um povo de impuros lábios; os meus olhos viram o Rei, o SENHOR dos Exércitos.
6 Porém um dos serafins voou para mim, trazendo na sua mäo uma brasa viva, que tirara do altar com uma tenaz;
7 E com a brasa tocou a minha boca, e disse: Eis que isto tocou os teus lábios; e a tua iniqüidade foi tirada, e expiado o teu pecado.
8 Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Entäo disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim.
9 Entäo disse ele: Vai, e dize a este povo.


Isaías profetizou em 735 a. C. no reinado dos reis Uzias, Jotão, Acaz, Ezequias, reis estes de Judá.
Os Assírios estavam em conflito militar com Israel e Judá, o povo estava passando por um período probatório, um período de declínio espiritual, chegando em alguns momentos a apostatarem da fé. Nós também passamos por momentos difíceis em nossa vida, estados "propabatórios" e o segredo não está em tentar evitar essa fase e sim em como enfrentar e passar por ela. Neste capítulo de Isaías 6, nós observamos que ele passa no mínimo por três fases, que iremos chamar de três dimessões da visão de Isaías.


1°- Dimensão da visão celestial.

6.1. eu vi o Senhor assentado em um alto e sublime Trono...



  1. Ele vê o verdadeiro Rei assentado em um trono;

  2. Os serafins entoavam um coro santo e os umbrais das portas tremeram (se moveram);

  3. E o templo ficava cheio, tomado pela Sheikinah de Deus (fumaça).

Nós buscamos o avivamento, mas o avivamento é consequência de uma busca do Avivador. Nós buscamos bençãos, mas estas são uma consequência de uma busca diária pelo Abençoador.

Será que estamos preparados para um pleno avivamento?

Quando o avivamento de Deus vêm, ele quebra regras e liturgias, e quantos de nós estamos presos à religião, presos ao sistema de culto e muitas vezes, falamos para com o Espírito Santo não só com palavras, mas também com atitudes que dão a impressão de que Ele deve se manifestar do jeito que queremos.


2° Dimensão da visão introspectiva

Quando temos um encontro com Deus, somos confrontados a olhar para dentro de nós mesmos, e a santidade, a glória e o Poder de Deus nos contrange a reconhecer o nosso estado pecaminoso. e o profeta vai dizer 'aí' de ti. Quero dizer com isso, que quando o avivamento de Deus se manifestar, a palavra que sair da sua boca pode não ser um Glória a Deus, um Aleluia, mas pode ser um AÌ, porém um 'aí' que irá mudar a sua vida.



  1. aí de mim que vou perecendo;

  2. aí de mim, porque sou um homem de lábios impuros;

  3. e habito no meio de um povo de impuros lábios.
Quando o homem reconhece a sua pequenez, a sua fabilidade e passa a contemplar a glória de Deus, Deus entra com a providência!

- e com uma tenaz (espevitadeira) o anjo tira uma brasa viva do altar de Deus e toca nos lábios de Isaías, tira toda iniquidade e purifica de todos os seus pecados.


3° Dimensão da visão - visão da chamada


  1. a quem enviarei? E quem há de ir por nós?;

  2. Então disse Isaías sem exitar: "Eis-me aqui, envia-me a mim! (prontidão de Isaías);

  3. E o Senhor diz a Isaías: "Vai e dize a este povo" (mandamento de Deus ao profeta).

Porque eu creio que Deus chama, e quando chama, capacita e quando capacita, envia e quando envia, supre e quando supre, respauda; porque é o poder do Espírito Santo de Deus que Ele te chama, supre, envia e respauda!



  • Hipolite Leon Denizar Revael (Alan Kardec) - Fundador do espiritismo

  • Auziro Zarú - Fundador da LBV

  • Chico Xavier - pai da psicografia

  • Charles Russel - Fundador da seita Testemunhas de Jeová

  • Josef Smit - (fundador dos Mórmons)

  • Elen White - Fundadora da seita Adventista

  • Guatama - Fundador do budismo

  • Rev. Moon - Fundador da Unificação

  • Maomé - Fundador do Islamismo

Todos estes HOMENS morreram e um dia, assim como todos nós, dobrarão os joelhos e confessarão que Jesus Cristo é o Senhor!!


Deus Abençõe!