sábado, 25 de julho de 2009

JOÃO 13


Texto base: ‘Faltava somente um dia para a Festa da Páscoa. Jesus sabia que tinha chegado a hora de deixar este mundo e ir para o Pai. Ele sempre havia amado os seus que estavam neste mundo e os amou até o fim.
Jesus e os seus discípulos estavam jantando. O Diabo já havia posto na cabeça de Judas, filho de Simão Iscariotes, a idéia de trair Jesus. Jesus sabia que o Pai lhe tinha dado todo o poder. E sabia também que tinha vindo de Deus e ia para Deus. Então se levantou, tirou a sua capa, pegou uma toalha e amarrou na cintura. Em seguida pôs água numa bacia e começou a lavar os pés dos discípulos e a enxugá-los com a toalha’.
João 13.1-5

1. De todas às vezes em que Jesus se ajoelhou, nenhuma foi tão importante como a que Jesus se ajoelhou diante dos discípulos.
2. Jesus se coloca de pé, tira o seu manto, cinge uma faixa usada pelos servos ao redor da cintura, toma a bacia, se ajoelha diante dos discípulos e começa a lavar os seus pés, um a um.
3. Na base da estrutura hierárquica, o servo é quem deveria se ajoelhar com a toalha e a bacia, porém neste caso quem está com a bacia é o Senhor dos senhores.
4. As mãos que formaram as estrelas, agora lavavam a sujeira dos pés, os dedos que formaram as montanhas, agora esfregavam os dedos.
5. Aquele que diante Dele todos se ajoelharão, é Aquele quem se ajoelha.
6. Mais do que simplesmente removendo a sujeira, Jesus estava removendo a dúvida (e mostrando o seu amor).
7. Jesus conhece o futuro de cada pé que lavou, e sabe que no dia seguinte, estes pés não o seguirão.
8. Jesus lavou os pés de todos, inclusive o de Judas que o abandonou naquela mesma noite, os pés lavados de Judas, logo após estavam postos na corte de Caifás.
9. Pela manhã, no dia seguinte, sepultaram suas cabeças na vergonha e olharam para seus pés com amargura.
10. Mas Jesus quer que pela manhã, eles olhem para os seus pés e se lembrem dos seus joelhos dobrados diante deles.
11. E se lembrem do que Jesus disse: ‘O que eu faço não sabes tu agora, mas tu o saberás depois.

Nenhum comentário:

Postar um comentário