Eternamente protegidos.

O cuidado do Senhor é muito especial para com os Seus escolhidos, é um amor tão profundo que jamais será compreendido pela finita mente humana. Mas, em breve, quando estivermos na glória gozando das eternas delícias preparadas com tanto zelo para os fiéis, haveremos de compreender e seremos eternamente agradecidos. É o amor que permanece inabalável, mesmo quando loucamente nos rebelamos contra Ele (“Se somos infiéis, ele permanece fiel.” 2Tm 2:13). E este zelo indescritível do Pai se estende por toda a nossa vida.”Sois guardados pelo poder de Deus, mediante a fé, para a salvação preparada para revelar-se no último tempo.” (1Pe 1.5) A afirmação é que somos guardados pelo poder de Deus, ou seja, não há nada maior neste mundo. A proteção que gozamos é imensurável, no entanto, está condicionada a nossa fé. Para que possamos gozar dos cuidados de Deus é imprescindível que o nosso coração esteja plenamente ancorado no Pai, cheio da genuína fé que leva-nos a viver em santidade e produzindo os frutos do Espírito. Deus é fiel e cumpre o que nos é prometido (“Que Deus, que nos dá a paz, faça com que vocês sejam completamente dedicados a ele. E que ele conserve o espírito, a alma e o corpo de vocês livres de toda mancha, para o dia em que vier o nosso Senhor Jesus Cristo. Aquele que os chama é fiel e fará isso.” 1Ts 5.23,24; “Todavia, o Senhor é fiel; ele vos confirmará e guardará do Maligno” 2Ts 3:3).
É impossível ao servo viver sem a proteção contínua de Deus, a nossa vida é totalmente dependente dos cuidados celestiais (“Se o SENHOR não proteger a cidade, não adianta nada os guardas ficarem vigiando.” Sl 127.1), nEle devemos esperar e confiar, pois no tempo oportuno o socorro vem (“Deus é o nosso refúgio e a nossa força, socorro que não falta em tempos de aflição.” Sl 46.1). Mesmo que aparentemente demore, não falhará jamais (“Sede fortes e corajosos, não temais, nem vos atemorizeis diante deles, porque o SENHOR, vosso Deus, é quem vai convosco; não vos deixará, nem vos desamparará.” Dt 31.6). A nossa esperança precisa está depositada no Senhor, que zela por nós!
A proteção do Senhor aos santos, e manifesta em diversos aspectos. Por exemplo:1- Preservando-nos. “O SENHOR guarda a todos os que o amam.” Sl 145.202- Fortalecendo-nos. “Mas o Senhor me assistiu e me revestiu de forças.” 2Tm 4.17 3- Sustentando-nos. “...mas os justos, o SENHOR os sustém.” Sl 37.174- Guardando-nos do mal. “Mas o Senhor Jesus é fiel. Ele lhes dará forças e os livrará do Maligno.” 2Ts 3.35- Impedindo-nos de cair. “Deus pode evitar que vocês caiam e pode apresentá-los sem defeito e cheios de alegria na sua gloriosa presença.” Jd 246- Conduzindo-nos. “Eis que eu envio um Anjo adiante de ti, para que te guarde pelo caminho e te leve ao lugar que tenho preparado.” Ex 23.207- Guardando-nos das tentações. “Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças; pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento, de sorte que a possais suportar.” 1Co 10.138- Amparando-nos nas perseguições. “17 De todos sereis odiados por causa do meu nome. Contudo, não se perderá um só fio de cabelo da vossa cabeça.” Lc 21.17,189- Nos momentos de calamidades. “Tem misericórdia de mim, ó Deus, tem misericórdia, pois em ti procuro segurança! Na sombra das tuas asas eu encontro proteção até que passe o perigo.” Sl 57.110- Nos perigos. “Deus livrará você de perigos escondidos e de doenças mortais.” Sl 91.311- Enquanto dormimos. “Quando me deito, durmo em paz, pois só tu, ó SENHOR, me fazes viver em segurança.” Sl 4.8
Somos o povo separado do Senhor e devemos como tal reconhecer a grande misericórdia de Deus, possuirmos um coração grato e cheio de amor; e a exemplo de Davi, exclamar:
“O SENHOR é a minha rocha, a minha fortaleza e o meu libertador. O meu Deus é uma rocha em que me escondo. Ele me protege como um escudo; ele é o meu abrigo, e com ele estou seguro.” Sl 18.2
Irmãos queridos, esta mensagem nos apresenta o grande amor protetor de Deus, agora cientes que somos guardados, resta-nos apenas declarar com todo o nosso coração, para que todos ouçam e glorifique ao Rei:
“Mas os que buscam abrigo em ti ficarão contentes e sempre cantarão de alegria porque tu os defendes. Os que te amam encontram a felicidade em ti.” Sl 5.11

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Isaque e a arte de cavar poços no deserto

Porque Deus permite o Diabo tocar nos seus !

Os 7 Mergulhos de Naamã.